O AR CONDICIONADO DIMINUI O STRESS E AUMENTA SEU NÍVEL DE ALERTA NO TRÂNSITO

O sistema de ar condicionado automotivo, antes tratado como um mero opcional, presente apenas em automóveis de luxo, tem se tornado item obrigatório não somente em veículos leves de passeio como também em veículos pesados de carga.

Não somente o conforto é otimizado, mas também a segurança do ocupante. Isso pode ser explicado pelo fato de que os vidros são mantidos fechados, minimizando a ação de ladrões e minimizando também o estresse térmico do motorista, aumentando consequentemente seu nível de alerta no trânsito.
O estresse térmico como “o resultado de condições microclimáticas desfavoráveis que requerem a intervenção do sistema termoregulador”. É citado ainda que, o estresse térmico pode levar à morte, se a exposição à um ambiente quente for excessiva. O automóvel tem passado de mero meio de transporte, para uma extensão do lar das pessoas, uma vez que é comum um indivíduo passar mais de 2 horas diárias dentro de um automóvel, nas grandes cidades. Por esse motivo, tem havido um crescente esforço no sentido de atender aos requisitos de conforto dos ocupantes.
Um situação muito frequente nessa época é se você deixou seu carro estacionado ao ar livre debaixo de um sol de 40°. Fica quase impossível de entrar no veículo, não é verdade? Sem contar que quem vive nas grandes cidades não tem alternativa a não ser andar com os vidros fechados. No verão, as altas temperaturas aumentam o calor no interior dos automóveis e o resultado não são apenas desconfortos momentâneos. Se não forem tomados sérios cuidados, transitar de carro pela cidade em dias quentes pode ser um grande risco à saúde.
O calor aumenta o nível de stress das pessoas, então mantenha a calma, respire fundo e tenha cautela no trânsito e em tempos secos e de calor elevado o cuidado com sua saúde e bem estar devem ser observados e levados em consideração para evitar dores de cabeça futuras.